Pular para o conteúdo principal

Relatório da ONU expõe a epidemia do crack no país

Dia 26 é considerado o dia de combate as drogas no país. Segundo pesquisas e reportagens, o consumo de drogas no país está aumentando consideravelmente. Confira abaixo reportagem sobre o relatório da ONU sobre o avanço do uso de crack no país:



Segundo documento, apreensões quadruplicaram em um ano no Brasil


Lançado pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (Unodc), um relatório evidencia a disseminação do crack em capitais e cidades médias brasileiras.

O documento mostra que, em um ano, quadruplicaram as apreensões da droga no Brasil. Em 2006, foram recolhidos 145 quilos. No ano seguinte, esse total chegou a 578 quilos – o suficiente para produzir até 2,9 milhões de pedras. Apesar de grave, a radiografia é parcial, porque não inclui as estatísticas de todas as corporações brasileiras.

– O crack está incomodando muito e chamando muito a atenção – admitiu o secretário nacional de Políticas Antidrogas, general Paulo Uchôa, que fez ontem a divulgação do documento.

Para o representante do Unodc no Brasil, Bo Mathiasen, o maior desenvolvimento socioeconômico dos últimos anos, associado ao atrativo mercadológico do crack, ajuda a explicar o aumento do consumo da droga.

– Ele vicia muito rápido. O crack é uma preocupação porque as pessoas, uma vez viciadas, vão precisar de um tratamento. E há consequências para a comunidade e para a família. – assinalou Mathiasen a ZH.

A Polícia Federal (PF) destacou que o aumento reflete uma melhor eficácia na repressão. O crack explodiu, segundo a polícia, pela dificuldade crescente de se comercializar a cocaína.

– Não havendo chance de produzir o cloridrato de cocaína, começou a ingressar, pela nossa extensa fronteira de selva, pasta base para ser transformada em crack, num modo simples para a venda a varejo no Brasil. O Estado brasileiro deve ampliar o esforço de conscientização e manter repressão sem tréguas – disse o diretor do departamento de combate ao crime organizado da PF, Roberto Troncon.

Apesar do avanço preocupante, o Brasil ainda não tem uma política específica de combate à pedra. A Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) acredita que o principal elemento para prevenir os jovens contra o consumo de crack e de outras drogas é a ampliação do trabalho de conscientização.

– Nosso grande sonho é que o nosso jovem possa dizer não às drogas, mas não por medo da polícia. Que ele diga não com informação, maturidade e responsabilidade – afirmou o general Uchôa.

























O avanço dos entorpecentes


MACONHA


Confira outras conclusões do documento, elaborado para lembrar o Dia Internacional contra o Tráfico e o Abuso de Drogas:


> O índice de usuários de maconha passou de 1% em 2001 para 2,6% em 2005


COCAÍNA


> 0,7% da população entre 12 e 65 anos usa cocaína no país. É um número que indica aumento em relação em 2001, ao contrário da tendência mundial


DROGAS INJETÁVEIS


> Entre 11 milhões e 21 milhões de pessoas no mundo usam esse tipo de entorpecente, conforme o documento.


> China, Estados Unidos, Rússia e Brasil concentram 45% do total de usuários em todo o mundo


ANFETAMINAS


> O Brasil teve o terceiro maior índice de uso de metanfetamina, anfetamina e outros inibidores de apetite


> Entre 2001 e 2005, o país reportou que o uso de substâncias do grupo anfetamina nas áreas urbanas mais que dobrou, com os índices passando de 1,5% para 3,2%


Fonte: Zero Hora



Leia também o que já foi publicado por aqui sobre o assunto:


Amarildo - Uma reflexão poética sobre a ilusão das drogas


Evangélicos e a recuperação de adolescentes viciados em drogas

Leia também:

ONU pretende discriminalizar as drogas?

Nota de repúdio UBE - Carlos Minc a favor da legalização da maconha?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ex-genro de David Miranda contará em livro porquê deixou a Igreja Deus é Amor

SERGIO SORA ANUNCIOU EM SEU PERFIL NO FACEBOOK QUE PUBLICARÁ LIVRO  SOBRE SUA SAÍDA DA IGREJA PENTECOSTAL DEUS É AMOR. SEGUNDO ELE, O LIVRO REVELARÁ "COISAS QUE ESTÃO OCULTAS AOS OLHOS DE MUITOS" E  ESTARÁ DISPONÍVEL EM ATÉ SEIS MESES.
Apontado até então como sucessor e herdeiro natural do trono de David Miranda, de seu púlpito blindado no maior templo evangélico da America do Sul no centro de São Paulo, e de mais de 9 mil igrejas o então presbítero Sergio Sora casado com a cantora Leia Miranda (filha mais nova de David Miranda) foi desligado da Igreja Deus é Amor  em 2005 por acusações de exigir a renúncia de David Miranda da presidência da igreja e por tê-lo submetido a cárcere privado e violência. Sora nega as acusações. Nas últimas semanas em sua página no Facebook Sora divulgou a informação de que decidiu publicar em um livro os principais motivos que o levaram a se desligar da igreja há seis anos, presidida por seu ex-sogro e em que por mais de vinte anos ocupou a funçã…

Centro de Cultura e de Artes de São Carlos oferece cursos gratuitos

O Centro Municipal de Arte e Cultura (Cemac) de São Carlos oferece 626 vagas para 23 cursos gratuitos voltados para todas as idades.

As vagas são divididas entre as áreas de teatro, circo, dança, samba rock, dança do ventre, desenho, aquarela, fotografia, percussão, gaita, violão, coro, produção de beats e mandalas.

Ao todo, são 32 turmas nos períodos da manhã, tarde e noite. Entre elas há opções para crianças a partir de 6 anos até adultos com mais de 45.

A programação completa pode ser consultada no site e as inscrições devem ser realizadas no Cemac, na Rua São Paulo, 745, no Centro.

As aulas serão ministradas a partir de 25 de março no Cemac, no Centros de Artes e Esportes Unificados “Emílio Manzano” e em Santa Eudóxia.

O telefone (16) 3419-8997 está disponível, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h, para mais informações.

O Bocado Molhado - o apelo final de Cristo à Judas Iscariotes

Queriote, localidade de Moabe (Jr 48.24), a pouco mais de vinte e dois quilômetros ao sul de Hebrom, e a vinte e cinco quilô­metros a oeste do mar Morto, era uma cidade como outra qual­quer, não fosse a referência a um de seus filhos — Judas Iscariotes, no hebraico Ish-Querioth, "Homem de Queriote". Escolhido para o colégio apostólico, Judas tinha nas mãos as mais inacreditáveis oportunidades; afinal de contas, Jesus o havia escolhido para um elevado ofício: cuidar das finanças do grupo apostólico. Certamen­te possuía características que justificassem sua escolha. 
Seguindo as pegadas de Judas durante o ministério público de Jesus, podemos delinear o perfil deste, que será lembrado por toda a história como o "traidor". Suas atitudes gananciosas revelam profundas feridas, veias maléficas que o acompa­nharam durante toda a vida. Judas era o único dos discípulos de Jesus que não provinha da Galiléia; era de Queriote, Judéia. Os habitantes da Judéia desprezavam os nat…