Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Coral da AD em São Carlos realiza festa de Jubileu de Ouro

Neste fim de semana, o coral "Acordes de Jerusalém" da Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Ministério do Belem, estará completando 50 anos de louvor, adoração, unção e qualidade musical sob o tema: "Há sempre alegria no coração daqueles que louvam ao Senhor".
Outras atividades evangelisticas e culturais estão previstas na programação de comemoração do jubileu para os próximos dias, entre elas a realização da cantata "Isto é amor", entre outras. As informações precisas sobre cada evento estarão disponíveis na agenda Sidnei Moura.

Jubileu de Ouro do Coral Acordes de Jerusalém Dias 24 e 25 de abril de 2010 - às 18h00 Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Ministério do Belem Rua Raimundo Correia, 344 - Vl. Monteiro http://www.adsaocarlos.org.br/

Confira abaixo documentário do Coral Acordes de Jerusalém Produção: Erick Maziero e Adauto Barbosa Imagens: arquivo AD São Carlos Locução: Sidnei Moura
Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4

Brasil não precisa de armas nucleares, mas de desenvolvimento humano e social

Presidente dos EUA Barack Obama abre hoje (12/04)  Conferência de Segurança Nuclear em Washington - decisões que influenciarão o futuro do planeta

"A grandeza de um país não se faz pelo poder de armas, mas pela chance de cada pessoa se realizar como ser humano."
Do grupo dos Bric (Brasil, Rússia, Índia e China), somos o único país que não é potência nuclear, nem militar convencional, uma vez que nossa força é meramente defensiva. No linguajar do professor Joseph Nye, que nos visita, temos apenas "soft power" (poder suave ou de persuasão, de exemplo), quase nenhum "hard power" (poder duro, de constranger por meios militares ou econômicos). Isso é bom ou ruim?
Para alguns, trata-se de anomalia a ser corrigida o mais rápido possível. É o caso do atual governo, que, numa curiosa volta ao regime militar, parece cada vez mais embriagado com sonhos de armas mirabolantes e caras, compradas com créditos de países estrangeiros que terão de ser pagos pelos sucessores. …

A greve dos professores em SP: partidarismo inescrupuloso e utilização da categoria como massa de manobra

"... Um pouco antes, ela [a presidente da APEOESP] convocou os professores a "acabarem com o partido" de Serra: "Estamos aqui para quebrar a espinha dorsal desse partido e desse governador", disse Bebel, como é conhecida. E perguntou ainda: "Vocês acham que o Serra vai ser eleito?". E os manifestantes responderam "não" em coro." Folha
"A greve decretada pelo sindicato dos professores de São Paulo é uma greve contra os pobres --a sorte do sindicato é que os pobres não sabem disso." Gilberto Dimenstein, na Folha
D e s d e   o início da greve dos professores da rede pública do estado de São Paulo em 8 de março,  desencadeada pelo discurso inflamado da presidente do sindicato da categoria e apoiado pelos seus representantes regionais em todas as diretorias de ensino do estado e principalmente estimulada pelos sindicatos e associações ligadas ao PT, tomei a iniciativa de escrever sobre o assunto a fim de expor minha opinião sobre os f…

O Livro de Eli - Reflexões sobre a utilização do discurso religioso como instrumento de controle, manipulação e dominação

Estreou nos principais cinemas de São Paulo na última semana de março (e agora nas principais cidades do interior do estado) mais um filme do conjunto de novos trabalhos cinematográficos de Hollywood de temática pós-apocalíptica - The Book of Eli  [O Livro de Eli].
Avaliado por alguns críticos de cinema como uma mera obra dogmática (segundo esses críticos, o filme só "funciona" pra quem partilha convicções cristãs) e por outros como um excelente filme com bom roteiro, atores e boa programação tecnica, O Livro de Eli vem recebendo as mais diversas interpretações por parte do público. Motivo: o filme aponta as Escrituras Sagradas como a única fonte de esperança em um mundo destruido.Além disso, O Livro de Eli é uma saga de alguem que entrega sua vida para protejer um livro sagrado, tão desejado por vilões mal-intencionados cujo propósito é se apropriar de seu conteúdo com a finalidade de dominar, manipular e controlar os sobreviventes em um mundo devastado
Confira abaixo sinopse

Confusão

“D e u s   n ã o   é   d e   c o n f u s ã o”. Esta frase se encontra em 1 Coríntios 14.33, onde Paulo fala a respeito de uma disciplina clara para os profetas: naquela época era preciso haver regras rígidas para esse assunto. Não era permitido simplesmente falar de forma indisciplinada — era necessário seguir diretrizes e determinações claras. Instruções sobre uma vida regrada tanto na Igreja de Deus quanto na vida pessoal permeiam toda a Bíblia. Por quê? Porque nosso Deus é um Deus de ordem!
Os cristãos são pessoas organizadas ou desorganizadas? Bem, de forma geral entre eles também há ─ como em todos os grupos ─ pessoas organizadas e desorganizadas. Mas na verdade o cristão deveria manter ordem em todos os aspectos de sua vida! Afinal, um Deus de ordem também espera ordem absoluta em todos os aspectos da vida de Seus filhos. Por quê? Porque tudo que somos ou fazemos não é direcionado em primeiro plano para nós mesmos, mas para Ele, nosso Senhor. Por isso, devemos almejar a ordem abs…

Qual o significado da Páscoa para você?

O  t e r m o   p á s c o a   em português vem do hebraico pessach, que significa basicamente “passagem”. A páscoa foi designada por Deus a Israel como festa solene e perpétua, com a finalidade de trazer a memória os fatos e acontecimentos pertinentes ao êxodo dos filhos de Israel do Egito, onde permaneceram como escravos por cerca de 400 anos, levando-os assim a refletir o amor, a misericórdia, o poder e a justiça de Deus.
Mas, porque passagem? Em primeiro lugar, o êxodo dos israelitas do Egito transformou-se na ponte para a vida em liberdade. Como escravos do poderoso faraó, considerado em sua época um deus-homem, os filhos de Deus passaram a clamar pelo cumprimento das promessas que Deus havia feito aos seus ancestrais de conduzi-los a uma terra boa. Atendendo Deus ao clamor dos seus filhos, determina que saiam da terra da escravidão após grandiosas demonstrações de seu poder a faraó através de Moisés, conduze-os pela passagem pelo meio do Mar Vermelho, derruba seus inimigos impertin…