Pular para o conteúdo principal

A Copa e o Campeão


Vice Presidente da África do Sul recebe troféu da Copa do mundo 2010 - Quem será o campeão?

Todo o mundo está envolvido pela febre do futebol. A Copa do Mundo é o maior acontecimento esportivo da atualidade e monopoliza a atenção geral. Durante os jogos as ruas ficaram desertas enquanto os estádios, as salas de TV e os bares enchem-se de  torcedores empolgados. A ansiedade atinge seu ponto máximo e o orgulho nacional nunca fica tão evidente como nessas semanas em que a bola rola nos gramados do país-sede.

Muitos pastores talvez até fiquem com certa inveja das arquibancadas lotadas, pensando: "Como seria bom se as igrejas e as reuniões cristãs tivessem uma platéia tão numerosa!" E eles tem todos os motivos para desejar um público maior para a pregação do Evangelho. Veja as razões:

O campeão

Enquanto as nações lutam pela vitória que vale por apenas quatro anos, Alguém conquistou a vitória definitiva. Jesus Cristo venceu o mundo para sempre, por todos os tempos, por todas as épocas e por toda a eternidade. O que Ele fez não estava relacionado a um simples jogo, pois era uma decisão entre a vida e a morte. Jesus veio ao mundo, morreu na cruz por nossa culpa e reviveu triunfalmente dentre os mortos. Quem faz parte do Seu "time" é participante dessa vitória e pode declarar pela fé: "Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo" (1 Co 15.57). Por essa razão João escreveu: "Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. Quem é o que vence o mundo, senão aquele que crê ser Jesus o Filho de Deus?" (1 Jo 5.4-5).

O vencido

Nosso Senhor Jesus Cristo mostrou o cartão vermelho para o Diabo e o expulsou do campo. Por Seu precioso sangue, Ele o derrotou para sempre. O Diabo é o perdedor, e o máximo que ele ainda pode fazer é gritar de fora do gramado tentando atrapalhar o jogo. Os cristãos no campo do mundo não precisam se impressionar com as tentativas de interferência dele. Eles devem jogar até o final da partida e "completar a carreira" (veja 2 Tm 4.7). Todos os crentes podem participar da vitória de Jesus sobre o Diabo, que foi derrotado completamente. A Bíblia diz que Jesus, "despojando os principados e as potestades, publicamente os expôs ao desprezo, triunfando deles na cruz" (Cl 2.15).

A fama

Sabemos que a fama dos melhores jogadores de futebol dura pouco. Seus nomes são conhecidos e aclamados por alguns anos e depois caem no esquecimento. Hoje estão em alta, amanhã já estarão no banco de reservas e depois de amanhã serão tirados do time. O que fica são as lembranças de suas glórias passadas. Poucos ainda mencionam seus nomes, porque outros já ocuparam seus lugares e são celebrados pelos seus gols vibrantes. No Brasil e em muitos outros países que já se destacaram no cenário internacional do futebol, muitos ex-jogadores, famosos em sua época, morreram na pobreza e na indigência. Esses esportistas aparentemente vitoriosos falharam vergonhosamente em suas vidas particulares depois de terem ganhado diversas competições e mundiais. 

Com Jesus Cristo é diferente: quem faz dEle seu capitão no campo da vida e joga conforme Suas regras receberá a coroa da vitória: "Todo atleta em tudo se domina; aqueles, para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, a incorruptível" (l Co 9.25). Esses cristãos são os vitoriosos batalhadores da fé mencionados no último livro da Bíblia: "Ao redor do trono, há também vinte e quatro tronos, e assentados neles, vinte e quatro anciãos vestidos de branco, em cujas cabeças estão coroas de ouro" (Ap 4.4).

O verdadeiro Salvador

Quando Jürgen Klinsmann foi nomeado técnico da seleção alemã, uma conhecida revista apresentou em sua capa a manchete: "Klinsi, salve-nos!"  As semanas seguintes mostraram que ele, mesmo tendo melhorado o desempenho do seu time, não conseguiu levá-lo à vitória final. Depois dos jogos sempre surgem novos desafios, discussões e desavenças. Sempre haverá perdedores e os comentaristas terão sempre do que reclamar.

O verdadeiro Salvador age em outro lugar, que é o campo do mundo. Ele traz uma salvação real e duradoura a todos os que crêem em Seu Nome e depositam sua confiança nEle. Paulo escreve em Romanos 3.22-24 que a "justiça de Deus" é "mediante a fé em Jesus Cristo, para todos [e sobre todos] os que crêem; porque não há distinção, pois todos pecaram e carecem da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus". Jesus liberta o pecador de seu passado vergonhoso e da ligação com o Diabo. Jó tinha consciência desse Salvador poderoso quando exclamou: "Porque eu sei que o meu Redentor vive e por fim se levantará sobre a terra" (Jó 19.25).

> Continua na próxima postagem

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ex-genro de David Miranda contará em livro porquê deixou a Igreja Deus é Amor

SERGIO SORA ANUNCIOU EM SEU PERFIL NO FACEBOOK QUE PUBLICARÁ LIVRO  SOBRE SUA SAÍDA DA IGREJA PENTECOSTAL DEUS É AMOR. SEGUNDO ELE, O LIVRO REVELARÁ "COISAS QUE ESTÃO OCULTAS AOS OLHOS DE MUITOS" E  ESTARÁ DISPONÍVEL EM ATÉ SEIS MESES.
Apontado até então como sucessor e herdeiro natural do trono de David Miranda, de seu púlpito blindado no maior templo evangélico da America do Sul no centro de São Paulo, e de mais de 9 mil igrejas o então presbítero Sergio Sora casado com a cantora Leia Miranda (filha mais nova de David Miranda) foi desligado da Igreja Deus é Amor  em 2005 por acusações de exigir a renúncia de David Miranda da presidência da igreja e por tê-lo submetido a cárcere privado e violência. Sora nega as acusações. Nas últimas semanas em sua página no Facebook Sora divulgou a informação de que decidiu publicar em um livro os principais motivos que o levaram a se desligar da igreja há seis anos, presidida por seu ex-sogro e em que por mais de vinte anos ocupou a funçã…

Centro de Cultura e de Artes de São Carlos oferece cursos gratuitos

O Centro Municipal de Arte e Cultura (Cemac) de São Carlos oferece 626 vagas para 23 cursos gratuitos voltados para todas as idades.

As vagas são divididas entre as áreas de teatro, circo, dança, samba rock, dança do ventre, desenho, aquarela, fotografia, percussão, gaita, violão, coro, produção de beats e mandalas.

Ao todo, são 32 turmas nos períodos da manhã, tarde e noite. Entre elas há opções para crianças a partir de 6 anos até adultos com mais de 45.

A programação completa pode ser consultada no site e as inscrições devem ser realizadas no Cemac, na Rua São Paulo, 745, no Centro.

As aulas serão ministradas a partir de 25 de março no Cemac, no Centros de Artes e Esportes Unificados “Emílio Manzano” e em Santa Eudóxia.

O telefone (16) 3419-8997 está disponível, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h, para mais informações.

O Bocado Molhado - o apelo final de Cristo à Judas Iscariotes

Queriote, localidade de Moabe (Jr 48.24), a pouco mais de vinte e dois quilômetros ao sul de Hebrom, e a vinte e cinco quilô­metros a oeste do mar Morto, era uma cidade como outra qual­quer, não fosse a referência a um de seus filhos — Judas Iscariotes, no hebraico Ish-Querioth, "Homem de Queriote". Escolhido para o colégio apostólico, Judas tinha nas mãos as mais inacreditáveis oportunidades; afinal de contas, Jesus o havia escolhido para um elevado ofício: cuidar das finanças do grupo apostólico. Certamen­te possuía características que justificassem sua escolha. 
Seguindo as pegadas de Judas durante o ministério público de Jesus, podemos delinear o perfil deste, que será lembrado por toda a história como o "traidor". Suas atitudes gananciosas revelam profundas feridas, veias maléficas que o acompa­nharam durante toda a vida. Judas era o único dos discípulos de Jesus que não provinha da Galiléia; era de Queriote, Judéia. Os habitantes da Judéia desprezavam os nat…